Comunicadores de referência dizem o que o mercado espera dos formandos

2015-10-26 20.15.07
A coordenadora Flávia Costa recebe Osvaldo Reis Pequetito (centro) e José Luiz (direita) no Centro Universitário Estácio, no Prado

Dois profissionais de referência no mercado de comunicação em Minas fizeram um bate-papo com os alunos da Estácio, que lotaram o Estúdio de TV na noite dessa segunda-feira, 26 de outubro: Osvaldo Reis “Pequetito”, egresso da Estácio e locutor esportivo das rádios Globo e CBN, e José Luiz Silva, diretor da agência Populus e presidente da AMP (Associação Mineira de Propaganda).

A atividade fez parte das ações voltadas para os alunos formandos, que vão fazer no dia 22 de novembro próximo a prova oficial do Enade (Exame Nacional de Avaliação de Desempenho do Estudante). A palestra “O que o mercado espera dos formandos em Comunicação Social” acabou atraindo interesse também de alunos de todos os períodos, principalmente do 1° e 2° semestres do curso. Os estudantes de segundo período serão os próximos a fazer o Enade, em 2018, quando estarão concluindo a graduação.

IMG_0405
O Estúdio de TV do curso de Comunicação Social ficou lotado

Pequetito integrou a última turma de Jornalismo da Estácio que fez o Enade, em 2012. Ele lembrou o processo de preparação, com oficinas e simulados, e recomendou atenção e paciência ao realizar a prova, que é longa (35 questões objetivas e cinco discursivas) e exige atenção aos enunciados, que cobram aplicação, mais do que a simples memorização do conteúdo.

José Luiz destacou que o mercado hoje exige do publicitário versatilidade e, acima de tudo, inovação – alguma competência ou habilidade que o torne diferente de todo mundo, mas em prol de uma equipe. “Em comunicação ninguém faz nada sozinho, então é importante saber trabalhar com um time, em conjunto, envolvendo todas os setores: atendimento, planejamento, criação, redação, direção de arte, mídia etc.”,  explicou José Luiz.

Osvaldo Reis, que entrou na faculdade aos 49 anos de idade, depois de 31 anos de atuação no rádio, disse que saiu do curso universitário “mais jovem” e um profissional melhor, mais consciente. O diploma de jornalista lhe rendeu inclusive um aumento de salário na atual empresa, que cobriu uma oferta de trabalho da concorrência.

2015-10-26 20.33.56
Pequetito reviveu momentos marcantes de sua carreira como locutor esportivo

A coordenadora dos cursos de Comunicação da Estácio, Flávia Costa, abriu a palestra para perguntas dos estudantes de Jornalismo e Publicidade e Propaganda. Pequetito respondeu principalmente a dúvidas sobre a crônica esportiva e lembrou, emocionado, a narração que marcou sua carreira: a defesa do goleiro Victor do pênalti cobrado por Riascos, em 30 de maio de 2013, ano em que o Atlético Mineiro conquistou a Copa Libertadores.

Perguntado sobre oportunidades de estágio no mercado publicitário, José Luiz recomendou que os estudantes procurem áreas diferentes da criação e da redação, que são as mais concorridas. A dica alegrou a aluna Beatriz Lima, do 4° período, por exemplo, que busca uma vaga no planejamento. Sobre o mercado mineiro, o presidente da AMP admitiu que a crise econômica é ruim para a propaganda, porque é o primeiro investimento a sofrer cortes nas empresas anunciantes. Porém, as redes sociais e mídias digitais tornaram-se boas alternativas de atuação dos publicitários.

Estácio homenageia professores em almoço com feijoada gourmet

Orientados pelos professores Renato Lobato e Igor Serravitti, alunos do 1º período do curso de Gastronomia prepararam uma “feijoada gourmet” no almoço especial nesta sexta-feira, 16 de outubro, em homenagem ao Dia do Professor.

A confraternização reuniu diretoria, docentes e funcionários técnico-administrativos, que saborearam a tradicional feijoada com tudo que se tem direito: arroz, feijão preto, miúdos de porco, couve, farofa, vinagrete, laranja e abacaxi, e sobremesa de salada de frutas com chantilly e hortelã.

Houve também espaço para que candidatos à Cipa (Comissão Interna de Prevenção de Acidentes) pegassem o microfone para pedir voto: entre eles os professores Gilvan, Juliana França e Miguel.

A gestora da unidade, Maria Ângela Duch, pediu uma salva de palmas aos professores e à equipe de professores e alunos que proporcionaram um delicioso almoço de sexta-feira. Apesar do forte calor, como manda a tradição, sexta é dia de feijoada.

Fotos: Ana Paula Brandão